sábado, 12 de março de 2011

Como se proteger de um tsunami

Figura ilustrando uma das causas de tsunami (http://preparela.org/tsunami2)

Tsunamis são mais frequentemente formados pelo súbito movimento relativo entre as rochas abaixo do fundo do mar, o qual ocasiona um terremoto submarino (ver figura acima). Entretanto, deslizamentos de terra, erupções vulcânicas e quedas de meteoritos também podem gerar um tsunami. Se um grande terremoto é sentido, um tsunami pode chegar à praia em poucos minutos, antes que um aviso possa ser emitido pelas autoridades. Áreas de maior risco são aquelas situadas a menos de 25 metros acima do nível do mar e dentro de 1,6 km de proximidade da costa.


Desde 1946, seis tsunamis mataram mais de 350 pessoas e causaram cerca de meio bilhão de dólares em perdas materiais no Havaí, Alasca e da Costa Oeste dos EUA.

Se você estiver em uma área de risco de tsunami, aprenda a proteger a si mesmo, sua família e sua propriedade. Esteja familiarizado com os sinais de alerta de tsunami. Um forte terremoto com duração de 20 segundos ou mais perto da costa pode gerar um tsunami. Um avanço ou recuo súbitos nas águas costeiras são também sinais de que um tsunami está se aproximando.

A Costa Oeste / “Alaska Tsunami Warning Center” (CC / ATWC) e “The Pacific Tsunami Warning Center" (PTWC) podem emitir os seguintes boletins:

* ATENÇÃO: um tsunami foi ou pode ter sido gerado, o que pode causar danos e, portanto, pessoas que moram nas áreas de risco estão altamente aconselhadas a se retirarem.

* Veja: um tsunami foi ou pode ter sido gerado; fujam para pelo menos duas horas de distância da localidade onde moram. As autoridades locais devem se preparar para eventual evacuação se a advertência para sua área for confirmada.

* ADVERTÊNCIA: um tremor de terra ocorreu no Oceano Pacífico, o que pode gerar um tsunami. WC / ATWC e PTWC emitirão boletins de hora em hora avisando da situação.

* INFORMAÇÕES: uma mensagem com informações sobre um terremoto que não é forte o suficiente para gerar um tsunami. Normalmente, apenas um boletim é emitido.

Plano para um Tsunami:

Um planejamento específico para um tsunami deve incluir os seguintes procedimentos:

* Saiba mais sobre risco de tsunami na sua comunidade. Contacte o seu escritório de gerenciamento de emergência local ou da Cruz Vermelha. Descubra se o seu lar, seu trabalho, escola ou outros locais que você frequenta estão em áreas de perigo de tsunami. Saber a altitude da sua rua acima do nível do mar e a distância da mesma ao litoral ou a outras áreas de alto risco, pois ordens de evacuação podem ser baseada nesses dados.

* Se você estiver visitando uma área de risco de tsunamis, verifique com o hotel, motel, ou operadores de acampamento para obter informações de evacuação do tsunami e como você seria avisado. É importante conhecer as rotas de fuga para o caso de um aviso ser emitido.

Se você está correndo o risco de ser atingido por um tsunami, faça o seguinte:

* Elabore imediatamente um plano de enfrentamento de desastres para sua família. Um planejamento específico para tsunamis deve incluir os seguintes itens:

* Converse com sua família: todos devem saber o que fazer na hipótese de os membros da família não estarem todos juntos na ocasião do tsunami. Uma boa conversa ajudará a reduzir o medo e a ansiedade, e ensinará a todos como agir. Revisão de segurança de inundação e medidas de preparação com sua família.

* Planeje uma rota de evacuação de sua casa, do trabalho, da escola ou qualquer outro lugar que possam eventualmente ser atingidos por um tsunami. Se possível, escolher uma área a pelo menos 100 metros acima do nível do mar ou ir até 3 km para o interior, longe da costa. Se não for possível obter essa altitude ou distância do litoral, desloque-se para o local mais alto da região. Cada metro percorrido na horizontal ou na vertical pode fazer a diferença. Você deve ser capaz de chegar ao seu local seguro a pé em 15 minutos. Após um desastre, as estradas podem ficar intransitáveis. Esteja preparado para fugir a pé, se necessário. Trilhas normalmente conduzem para locais elevados no interior, enquanto muitas estradas são paralelas à costa e devem, portanto, ser evitadas. Siga as rotas de evacuação já divulgadas para o caso da ocorrência de um tsunami, o que o conduzirá a um local seguro. Funcionários da administração local e da emergência podem ajudar a orientá-lo quanto ao melhor caminho para os locais de abrigo e segurança disponíveis.

* Conheça as rotas de evacuação. Familiarizar-se previamente com as mesmas pode salvar sua vida. Seja capaz de seguir sua rota de fuga durante a noite e durante mau tempo eventual.

Traduzido e adaptado de http://preparela.org/tsunami2 por mim.

8 comentários:

  1. muito boa explicaçao,me ajudo muito (:
    obrigada kisses,kisses

    ResponderExcluir
  2. Obrigada me ajudarao no meu trabalho de escola sempre vou passar por aki

    ResponderExcluir
  3. onrigada por me ajudarem . sou brasileira mas estou no japão. se u precisar de me refugiar vou seguir as dicas daqui!

    ResponderExcluir
  4. Obrigado pelos comentários elogiosos. O objetivo desta postagem é realmente a judar as pessoas a se protegerem de um tsunami.

    ResponderExcluir
  5. que lagalkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  6. adorei as explicaçoes

    ResponderExcluir